Pequeno-almoço desportivo: as 4 dicas para estar no topo!

O café da manhã é a hora do dia em que mais precisamos de calorias. Na verdade, ela condiciona o resto do nosso dia, tanto do ponto de vista energético quanto intelectual. E quando você é um atleta, é fundamental se concentrar nisso. Resumindo, aqui estão 4 dicas para estar no topo! 

Estamos a apostar nos hidratos de carbono. 

Para uma boa dose de energia pela manhã, selecione alimentos com alto índice glicêmico. Porém, não se trata de mergulhar em preparações prontas como croissants, pain au chocolat ou brioches. Aqui, preferimos uma dieta orgânica que atue de forma saudável no corpo com um monte de fibras. Por isso apostamos em aveia orgânicamas também, pão integral e fruta. 

Nós tomamos proteína para os músculos. 

Outro ativo essencial para um café da manhã esportivo são as proteínas. Portanto, pela manhã, é altamente recomendável consumi-lo com, por exemplo, ovos, peito de frango ou queijo cottage. Obviamente, pode soar um pouco duro para alguns, mas misturar farinha de aveia com queijo cottage e adicionar frutas da estação será um bom começo.

Não esquecemos os lipídios 

Quando falamos em lipídios, estamos falando principalmente de oleaginosas, nas quais podemos encontrar nozes, castanhas de caju, amêndoas ou até mesmo avelãs. Particularmente ricos em vitaminas, mas também em ômega 3 e ômega 6, são alimentos que nos permitem lutar contra o colesterol ruim ao mesmo tempo em que aumentamos nossas defesas imunológicas. E para o atleta, essa é uma grande vantagem! 

Atualização de produtos lácteos 

Para um café da manhã esportivo, é melhor evitar a ingestão de laticínios. E se com o seu muesli não pode ficar sem, preferimos uma bebida vegetal feita com amêndoa, espelta ou leite de soja.